domingo, 20 de janeiro de 2013

Taças
Mais uma dose
Só se for de amor
Não quero ficar jogado
Abandonado feito jardim sem cor
Mais uma dose
Quero sim
Desse seu corpo ardente e macio
Rebuscando o prazer dentro de mim
Mais uma dose
Do seu beijo
Do seu calor
Do seu desejo
Mais uma dose
A nos embriagar da vida
Fazer brilhar os sonhos em olhar
Nessa estrada colorida.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais©®
Direitos autorais reservados  lei 9.610 de 19/02/98 

3 comentários:

LUZ disse...

Bom dia, querido amigo!

Dessas doses, todo o mundo, quer sempre mais.
Fazem bem ao corpo e à alma.

Linda semana, com amor "excessivo".


Beijos da Luz, com carinho.

Fernando disse...

Olá
Preciso dessa dose de amor todos os dias.
belo poema
gde abrsss
http://fernu5083.blogspot.com.br/

LUZ disse...

Oi, querido Everson!

Lhe desejo um dia magnífico.
Por aqui, chove e faz sol. Continuamos com o frio, por aqui.

Beijos da Luz, com afeto e estima.